Macarrão instantâneo “Pense bem antes de comê-los!”

Gostou? Compartilhe

“Pense bem antes de comê-los!”

Quando estamos em casa num dia chuvoso ou sem nada para fazer e bate aquela fome, corremos para cozinha e começamos a  vasculhar  a geladeira e o armário e quando achamos macarrão instantâneo ufa! Resolvido. Que bom, prático rápido, assim “matamos” a nossa fome e por que não dizer a vontade de comer!

É isso mesmo, a maioria das vezes é vontade de comer não fome. O significado de fome no dicionário é definido como: sensação causada pela necessidade de comer. A alimentação é uma necessidade fisiológica do organismo e é, por meio dela, que conseguimos nos manter vivos. É evidente que nos alimentamos também por prazer, a alimentação está envolvida em diversos eventos sociais como: festas, restaurantes, churrascos e bares, dos quais, não podemos e não devemos escapar, mas vamos deixar a divagação sobre a fome e a vontade de comer para outra ocasião.

Hoje eu quero falar sobre uma reportagem a respeito do macarrão instantâneo que foi publicado na revista Pro Teste. Eu particularmente não sou muito fã deste tipo de macarrão, mas já consumi algumas vezes. Sei também que muitas pessoas gostam, pela praticidade e pelo sabor, que sinceramente acho meio duvidoso.

Veja qual foram os achados e tire suas próprias conclusões em relação ao macarrão instantâneo:

A conclusão foi que eles são de baixíssimo valor nutricional, ricos em gordura, sódio e aditivos para realçar o sabor. Ficam prontos rapidamente porque são pré-cozidos e depois perdem água em um processo de fritura (pasmem, fritura!) eu não sabia disso! Você sabia???
Em algumas marcas os valores de gordura diferem do rotulo. Em relação a gordura total os macarrões instantâneos (sem o tempero) possuem, em média, cinco vezes mais gordura do que o macarrão tradicional. Nos macarrões com o tempero foi encontrado um altíssimo teor de sódio.

E o light será que é light mesmo? Veja o que diz a revista:

“No mercado, há apenas uma marca de macarrão instantâneo light, o da Nissin. Para ver se tem diferença, o  levamos também ao  laboratório. Vimos que ele é  light porque não é desidratado por fritura. Com isso, há redução do percentual de gordura e, portanto, do valor energético. Porém, mesmo sendo light, não é bom negócio consumi-lo. Apesar de ter apenas 0,6 g de gordura por porção, sua quantidade de sódio é alta e seu teor de glutamato monossódico é tão absurdo quanto o das outras marcas. Além disso, em nosso painel de consumidores, ele foi considerado “sem sabor”. Ou seja, se quiser consumir um macarrão com menos calorias e melhor para a saúde, continue com o tradicional (não instantâneo).”

Atenção! Não estou aqui fazendo uma apologia contra o macarrão instantâneo, só achei interessante este estudo e estou repassando a vocês meus leitores.
Leia a reportagem na integra Revista Pro Teste

Um abraço,

Thelma

Você poderá gostar também:

Diet ou Light?
Açúcar ou adoçante?
Açúcar ou adoçante?

Gostou? Compartilhe

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Thelma Tschope Nutricionista CRN 25654
Eu atendo em consultório em São Paulo, SP. Você quer agendar uma consulta comigo? Preencha os seus dados abaixo e entraremos em contato o quanto antes. coloca local para cadastro
Enviar